TECNICO DE INFORMATICA - RJ

Minha foto
Rio de Janeiro, RJ, Brazil
TRABALHOS DE INFORMATICA - REMOÇÃO DE VIRUS - INSTALAÇÃO DE REDE E TUDO RELACIONADO A SEU COMPUADOR. PROFICIONAL COM EXPERIENCIA, 12 ANOS DE TRABALHOS BEM REALIZADOS. LOCALIZADO - TIJUCA - RJ - RIO DE JANEIRO - geovanisantana_@hotmail.com

14 de fev de 2011

Sei que tem algum tempo que não faço nenhuma publicação aqui. é verdade mas a correria é tanta que me deixa mesmo muito sem folego pra fazer qualquer coisa. agora um pouco menos assoberbado, queria vir aqui e deu saudades de escrever pra vocês.

antes de mais nada queria muito mandar um beijo pra minha amiga Biatriz Amanso, seguidora especial aqui no blog, uma menina que vem recebendo vizitas em seu blog. vizitas de varias partes do planeta. isso apenas prova que eu estava certo quando lhe mostrei a receita de publicar isso no blog dela. Bia, te disse né! por ai ja circulam diversos poemas escritos por ela, e se você gosta de poemas e lê o que circula na net. certamente ja se deparou com alguma coisa escrita por ela!
bia, continue iluminando nossos corações e escrevendo do fundo da alma.


essa semana estive um tanto atarefado com algumas coisa que cercavam meu mundo. minha mãe que acabou de iniciar uma viajem pra outro estado, junto com ela meus sobrinhos.
nao sei explicar mas não é uma viagem simples. mas como prometi nao vou criticar, apenas mandar um beijo pra você minha mãe.


e agora ta dando vontade de fazer uma publicação. quero criar agora mais um poema.

No caminho percorrido até aqui, estrelas me guaram
por pedras pontiagudas eu pisei, fiz trajetos errados na maioria das vezes
conheci coisas, conheci pessoas, amei outras que nem conheci
e simplesmente não aceito a partida de alguns
sorri feito um palhaço em atitudes que nem mereciam tanta atenção
me doei em ajudar outros
me dediquei em fazer a diferença
arrisquei ficar sozinho quando você só queria esta perto
deixei que fosse so quando deveria estar junto contigo
desejei você e não tive, tive você quando nao desejava
enfrentei dois medos. sai machucado as duas vezes quando te encontrei
fiquei surdo no momento que falava meu nome e não ouvi o que mais queria.
minha fome eu matei, minha sede acabei.
fiz outra escolha errada, mas fiz uma escolha
desta vez abri mão de você, preferi ficar comigo mesmo só
estou agora esperando você me chamar, mas não ouço sua voz.
minha mão desejando seu toque
meu corpo esperando sentir o peso do seu
minha boca, desejando ser tocada por sua boca.
o tempo só passou e eu entendi que a melhor forma de amar você é amando
e não quero e nao vou buscar identificar razão no coração porque não há
o tempo pra nós parece ter chego ao fim
e no meu peito, so a lembrança
seus gritos ja nao ouço
seu boca não vejo
nao te vejo
nao
.




as coisas sempre terminan com um ponto. neste caso é final, mas as coisas também começam de um ponto. mas desta vez, um ponto de partida.

seja qual for o ponto. é um ponto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário